AMDC_logo-3.png
DIÁRIOS

Fagner França

Sou artista visual formado pela Escola de Fotógrafos Populares, criada por João Roberto Ripper. Gosto de obras de arte, gosto de fotografar e de correr. Iniciei meus estudos em fotografia em 2003 com o Mão na lata. De aluno, passei a ser monitor e depois professor de fotografia artesanal para crianças e jovens. Fiz fotografia e câmera dos vídeos de processos do Mão na Lata: Construindo Caio e Cada dia Meu Pensamento é Diferente, e também do vídeo Retrato Falado. Coordenei um coletivo de estudantes de audiovisual dentro da ECOM - Escola de Cinema Olhares da Maré. Participei da montagem de uma exposição chamada Balé Literal de Laura Lima, que foi uma das coisas mais incríveis que me envolvi nas artes. Quero muito fazer a curadoria de uma exposição onde tivessem artistas de varias favelas do RJ. Não tolero racismo velado e não gosto de jiló.